Pedido de cassação do vereador Tono Laureano é protocolado na Câmara de LG

Foi protocolado na Câmara de Vereadores de Laguna, o pedido de cassação do mandato do vereador Tono Laureno. O vereador é um dos investigados na Operação Seival e segue preso na Unidade Prisional Avançada de Laguna. Confira informações na reportagem de Priscila Ladislau. (Áudio)

*Em relação ao pedido de cassação do vereador, o advogado de Tono Laureano se pronunciou nesta quinta-feira. Segue abaixo, nota na íntegra.

Considerando o conteúdo da denúncia em desfavor do vereador Antônio Cessar da Silva Laureano, protocolada no tarde de ontem na Câmara de Vereadores do Município de Laguna, preliminarmente, entendo que a referida denúncia deverá ser rejeitada pela Mesa Diretora da respectiva Câmara Municipal, uma vez que a pessoa que protocolou a denúncia não tem legitimidade por não cumprir os requisitos de admissibilidade disposto no caput do art. 14, do Código de Ética e Decoro Parlamentar da Citada Câmara. 
No que se refere ao mérito, à denúncia está fundamentada em 3 denúncias que o Ministério Público Estadual ofereceu em desfavor do vereador Antônio Laureano e ainda não foram julgadas, o que, no meu entendimento, enfraquece substancialmente a denúncia, tendo em vista que qualquer pessoa pode ser indiciada, acusada e, posteriormente, ser absolvida. 
Outrossim, seria irresponsabilidade do legislativo lagunense votar pela cassação do vereador Antônio Laureano baseado em acusações de um processo criminal antes do trânsito em julgado deste. 
Por este motivo, entendo que a denúncia não deve prosperar, posto que possui vinculação com uma pretensa condenação do judiciário.

Foto: Elvis Palma

Compartilhe!